“Hoje eu mereço”: drogas e a necessidade de recompensa

A associação entre drogas e momentos de “curtição” é conhecida. Álcool e outras drogas habitualmente estão ligados a festas ou momentos de relaxamento. À medida que um quadro de dependência se estabelece a relação entre o uso de substâncias e momentos de prazer passa a ser de dependência, ou seja, necessita-se da droga para obter satisfação.

Alguns problemas emergem dessa relação de dependência. Um destes  problemas é a estereotipia, ou seja, passa-se a enxergar a droga como única forma possível de alívio para o estresse ou mesmo a única forma de relaxar. Uma vez que a droga se apresenta como a  válvula de escape para o cansaço ou o tédio, torna-se complicado aceitar a ideia de não usá-la.

corretor-imoveis-evite-estresse-dia-a-dia-e-aumente-sua-produtividade

A busca  por um momento de alívio e de descontração é uma necessidade real frente ao ritmo intenso da vida contemporânea e das nossas relações e atividades profissionais. Não existe  problema quanto a isso. Entretanto, dada a imensa possibilidade de atividades que cumpririam adequadamente essa função, o uso de drogas pode se tornar uma escolha ruim por inviabilizar outras tarefas e por criar problemas que tornam a rotina ainda mais estressante.

Pessoas que se encontram em tratamento podem recair em uma situação em que se percebam sobrecarregados e carentes de um momento de prazer ou da sensação de “se permitir”.

Tanto para evitar recaídas quanto para evitar o estabelecimento de uma relação de dependência duas estratégias podem ser adotadas.

Diminua a necessidade de recompensa

Quanto maior for seu desgaste, maior será seu tempo e necessidade de recuperação. Um dia a dia  pesado, no qual se encontram poucos momentos de lazer ou mesmo de ócio, estabelece uma rotina que exigirá mais do seu tempo livre. Parte desse “culto à sexta-feira” que testemunhamos  atualmente vem do modo como organizamos nossa semana, deixando os momentos de lazer e gratificação restritos a um dia ou ao fim de semana.

Ir na contramão de toda competitividade e empenho que a vida profissional nos convida pode ser uma maneira de viver melhor e, inclusive, se dar melhor no trabalho. Ter durante a semana atividades significativas e satisfatórias é saudável e proporciona menor desgaste, uma vez que você está levando seus dias de forma agradável ao invés de simplesmente se arrastar até o próximo fim de semana.

 Diversifique suas atividades de lazer

Aumente o número de pilares que sustentam seu bem estar. Ao longo da vida, a medida em que amadurecemos, passamos a conhecer melhor nossos gostos e vontades e focamos nossa energia naquilo que sabemos nos satisfazer. Contudo, vale a pena resgatar um pouco da nossa curiosidade juvenil, caso a mesma já tenha se perdido, e procurar sempre conhecer coisas novas e novas formas de se divertir. Sempre que possível, retome também aquele hábito abandonado, aquele esporte que não pratica mais, aquele jogo que quase não se lembra das regras ou o intrumento musical esquecido na caixa.

A busca por bem estar e por uma vida mais saudável não é algo que você deve restringir a alguns momentos por dia ou ao fim de semana.  Na medida em que for possível, a busca por felicidade e satisfação deve ser parte constante de tudo que fazemos e não ficar restrita a um momento de alívio.

Quer dizer algo? Escreva abaixo nos comentários!

Para saber mais do nosso serviço, clique aqui!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s